Tal como o título e as fotos sugerem, hoje vou falar sobre Os Olhos do Dragão, escrito pelo mestre Stephen King. Como eu já sei que vocês gostam, toma aí a resenha e as características do livro:

Os Olhos Do DragãoPáginas: 440
Idioma: português
Editora: Ponto de Leitura
Em Delain, um reino muito distante, viviam o rei Roland e seus dois filhos, Peter e Thomas. Roland não era exatamente o que se esperava de um rei. Apesar de se esforçar para não prejudicar seu povo, não conseguia realizar grandes feitos. Enquanto teve a seu lado a rainha Sasha, as coisas ainda corriam bem. Sasha preocupava-se com os habitantes de Delain e dava conselhos decisivos a Roland. Sua bondade conquistou o povo, mas alimentou o ódio de um perigoso inimigo — Flagg, o feiticeiro do reino.
Um dia, de forma súbita e suspeita, a rainha morreu. Mas Flagg ainda não se dava por satisfeito. Tinha planos para dominar Delain e, para isso, precisava eliminar todos que estivessem em seu caminho. Para começar, era preciso livrar-se do tolo Roland, depois afastar o jovem Peter e levar ao trono o pequeno Thomas — que Flagg tinha a certeza de conseguir controlar.
Com a habilidade de sempre, Stephen King constrói um conto de fadas fascinante que envolve príncipes amaldiçoados e um feiticeiro demoníaco. Na batalha entre o bem e o mal, a vida de um reino repousa nas mãos de dois jovens, que terão de superar obstáculos para conquistar o direito à justiça e verão sua coragem ser duramente testada. Nesse jogo eletrizante de armações, manipulações e magia, apenas um lado sairá vencedor.

 Para quem não conhece a saga d'A Torre Negra, ela é a obra prima do King (com mais de 4 mil páginas, ele passou cerca de 30 anos de sua vida escrevendo), na qual ele junta - de certa forma - um pouco de todos os livros que já escreveu, como se todas as estórias tivessem acontecido em um mesmo universo, e é por essa teia de ligações que eu cheguei ao livro Os Olhos do Dragão.
Nesse livro vários personagens d'A Torre Negra se "repetem", como Roland e Randall Flagg (que em outras obras pode aparecer com outros nomes), e só isso já foi o bastante para chamar muito a minha atenção!
Isso sem falar que a trama do livro configura uma estória clássica de fantasia (quem leu a sinopse percebeu isso), que às vezes chega até mesmo a ser clichê, de tão absurdamente clássica hahahah
Mas cara, eu adoro fantasia, então assim que adquiri o livro já fui lê-lo. Preciso dizer que foi uma leitura bastante rapidinha pois, apesar de ter muitas páginas, as letras são bem grandes e a leitura flui muito bem. É um livro bem diferente dos outros do King que já li, pois nele o escritor não é deveras prolixo como na maioria das obras que escreveu, além de ter uma linguagem de fácil absorção.
Eu diria, até, que é um livro infanto-juvenil, pois a trama é leve, falando sobre reis, rainhas, príncipes e magos "do mal"; sobre como o bem sempre prevalece o mal; sobre amor e amizade; sobre lealdade e mais uma etecétera de coisas do gênero. Enfim, é um livro recheado de "lições morais" inerentes à estória, justamente do jeito que a galera do infanto-juvenil gosta (tipo eu) hahaha


Fazendo um resumão da estória (sem spoiler):

Existia um lindo reino feliz chamado Delain, em que o rei Roland e a rainha Sasha tinham dois filhos, Peter e Thomas. Por ordem hereditária, Peter que seria o rei quando Roland batesse as botas, só que Peter era o clássico Príncipe Perfeito: legal, bonito, autoritário na medida certa e justo. Na visão de todos em Delain ele seria o rei perfeito, e provavelmente era verdade, pois o mago du mal Flagg não ficou nem um pouco feliz com a ideia da cidade/feudo (?) ter um rei tão maneiro assim, então armou várias paradas para que, em vez dele, o irmão invejoso Thomas assumisse o trono em seu lugar.
Veja bem, Thomas não era um menino mau, ele só não era o que se esperava totalmente de um príncipe, e o contraste que existia entre ele e seu irmão (um perfeito Futuro Rei) só agravava a situação. Poderia-se dizer até que era uma invejinha saudável, mas o mago fez questão de envenenar toda e qualquer relação que os dois irmãos poderiam ter, justamente com a intenção de estragar tudo.
Ah, também é interessante dizer que, segundo algumas lendas, Flagg é um ser, e não um humano. Por que isso? Porque, bem, parece que ele estava presente em vários acontecimentos de centenas de anos atrás do reino de Delain. Sempre que acontecia alguma catástrofe, tava lá o carinha escondido nas sombras. Ninguém entende o motivo dele sempre querer foder com tudo, mas parece que é tipo um hobby. Vai entender né.
Para que continue sem spoiler, eu vou ter que parar por aqui, por mais que eu queira contar sobre todas as reviravoltas da estória hahaha :(

Se eu recomendo?

Siiim! Recomendo muito!!
Não é o livro mais fantástico que já li, mas é muito interessante e gostoso de se ler. É aquele tipo de obra para você ler sem compromisso, sabe? Levá-lo para a sala de espera no consultório, esse tipo de coisa, pois a leitura é realmente muito fácil e fluida.
Para que gosta de fantasia como eu, valerá muito a pena.

Beijos! <3



19 Comentários

  1. Olá!
    Eu adooooooooooooooooooooro esse livro! Deu vontade de ler de novo pois li a bastante tempo e não me lembro dessas referencias. Linda a capa da sua edição!
    Bjs

    EntreLinhas Fantásticas - SORTEIO 250 SEGUIDORES! FALTAM APENAS 10 SEGUIDORES! NOS SIGA E PARTICIPE :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também adoro ele, é uma gracinha! :)

      Excluir
  2. Li esse livro no ano passado e adorei, Tisa!
    Achei fantástica essa peada diferente do King. Ele é tão foda, mas tão foda, que ele escreve até mesmo uma fábulas tidas como fofinhas, rs.
    E eu adorei as ilustrações do livro! Muito tops.
    Sua resenha ficou muito bacana! Adorei quando vc disse que Flagg fode com tudo por hobby! Kkkkkkkkkkkkkkkk
    É bem isso mesmo, né?
    Bem, vindo de King, só de pode ser coisa boa. Sem mais.
    shIUAhsiuHAIUSHAs

    Beijos!
    Fabi Carvalhais
    Pausa Para Pitacos | Participe do TOP COMENTARISTA | Promoção PQ SIM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, se vier do King eu já sei que coisa ruim não é hahahahah

      Excluir
  3. Oi Tisa!

    eu não conheço a série, mas poxa 4 mil páginas! Por outro lado se a trama flui e é leve a gente acaba lendo rapidinho!

    Adorei a indicação

    Bjs, Michele

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que você não leu direito o post. O que tem 4000 páginas é a saga d'A Torre Negra, e não o livro resenhado.

      Excluir
  4. Oi, Tisa!
    Eu não conhecia esse livro do King oO
    Adorei seu resumão sem spoiler. Ele me deixou bem mais interessada agora.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do sorteio Mês das Mulheres em Dobro
    Porcelana - Financiamento Coletivo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muita gente não conhece mesmo. Dizem, inclusive, que esse livro nem parece ter sido escrito pelo cara, pois realmente é bastante diferente do que o que ele geralmente escreve hahahah

      Excluir
  5. Já li um livro do Stephen e é exatamente o que você disse, a leitura é bem fluida mesmo. Não conhecia esse, mas fiquei curiosa pra conhecer a estória. Assim que tiver a oportunidade irei ler!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  6. Oi. Eu não sou uma grande fã de fantasia e quando me aventuro ler algum livro do gênero acabo demorando bastante na leitura; Imagino que sendo um do King eu levaria mais de mês para ler :( Apesar de gostar do autor são poucas obras dele que realmente me chamam a atenção e infelizmente é um que eu não pegaria para ler.
    Beijos
    Sil - Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, que pena. Sou até suspeita pra falar, pois é meu gênero favorito hahaha

      Excluir
  7. Ai, eu tenho muita vontade de ler esse livro, mas fico só adiando e adiando... Ultimamente tô com uma preguiça de ler, coisa de louco...
    Realmente, nada muito original HAHAHAHA, Mas é King, Né.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu te entendo hahaha Nem digo que ando com preguiça de ler, é mais falta de tempo mesmo :(

      Excluir
  8. Oi Tisa!! Faz tanto tempo que quero investir nessa série, e agora, devido a sua influência, estou louca para adquirir logo todos os livros de uma vez (será que as livrarias fazem carnê tipo casas bahia? kkkk).
    Beeijos
    http://lua-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bia, Os Olhos do Dragão não faz parte de nenhuma série hahaha

      Excluir
    2. Caramba, eu sempre achei que esse livro fizesse parte da saga A Torre Negra. Talvez pelo fato dos personagens se repetirem, enfim, eu tinha certeza que fazia parte kkkkkkk.
      Beeeijos

      Excluir
  9. Oi Tisa!
    Tenho muita vontade de ler King, mas são tantos livros que nem sei por onde começar haha.

    Beijos,
    Epílogos e Finais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sei como você se sente hahaha Ele tem tantos livros que eu nunca consigo decidir com certeza com será o próximo livro, sempre fico dividida, rs.

      Excluir

Deixe o link do seu blog para que eu dê uma olhada, e obrigada pela visita! :)